O vereador Lisandro Frederico anunciou que será candidato à Presidência da Câmara Municipal de Suzano. Segundo ele, a candidatura tem como principais bandeiras a independência e a transparência do Legislativo. O vereador também espera fazer com que a Câmara intensifique as ações de fiscalização do Executivo Municipal.

“Suzano precisa e merece uma Câmara Municipal independente, que coloque em prática a sua principal função, que é de fiscalizar, acompanhar e exigir ações eficientes do Executivo”, afirmou o vereador.

Lisandro garantiu que, no seu eventual mandato, Prefeitura e Câmara irão trabalhar em harmonia, contudo, o Poder Legislativo “não mais ficará à mercê de interesses individuais do Executivo”. “É preciso zelar pelos interesses dos suzanenses de maneira geral e não de um grupo de políticos que administra o município”, criticou.

Ele avalia que, atualmente, o comando da Câmara Municipal passou a ter um mero trabalho protocolar em relação aos projetos encaminhados pelo prefeito. “Eu mesmo já protocolei vários processos administrativos por descumprimento de leis por parte da Prefeitura, já aprovados pelo Departamento Jurídico da Câmara e prestes a serem encaminhados para análise da Justiça, porém, estão travados”, contou. “Um presidente da Câmara, sendo do mesmo partido do prefeito, jamais assinaria um documento dando sequência ao processo, desta forma, o interesse público passa a ficar em segundo plano e a cidade perde muito com esta relação de compadrio”, analisou Lisandro.

Além da falta de autonomia e independência, Lisandro acredita que é preciso dar mais transparência aos atos da Câmara Municipal. “As sessões devem voltar a ser transmitidas pela Internet. A população merece ter meios automatizados para participar da avaliação dos projetos e o nosso Portal precisa constar com informações claras e de fácil acesso sobre tudo o que é feito pelos parlamentares”, propôs.

O candidato à Presidência defendeu a valorização e o protagonismo do Legislativo e avaliou que “o sucateamento que vem sendo feito coloca em risco a qualidade de funcionamento dos três poderes”. “A população não vê o trabalho desenvolvido pelo Legislativo. A Câmara precisa ter um posicionamento forte e contundente para que, assim, garanta que o interesse do cidadão seja ouvido e atendido pela administração pública”, ponderou.

Redução de despesas

Lisandro completará em 2018, o segundo ano de mandato como vereador. Ao longo deste período já foi protagonista de diversos debates, todos eles alinhados à função de vereador. “Fui contra o aumento abusivo do IPTU, tenho vários projetos para a redução de despesas no Legislativo e sempre defendi a participação popular nas decisões da Câmara Municipal”, destacou.

“Minha decisão de concorrer à Presidência é exclusivamente em nome da defesa da população suzanense. Não tenho e não terei acordos com a Prefeitura. Sou a opção que pode transformar o Poder Legislativo em uma das ferramentas de transformação da sociedade. Cabe agora aos vereadores escolherem qual destino querem dar à Casa Legislativa”, finalizou Lisandro.

Anuncie no Suzano Hoje
Você comerciante, empresário(a) e prestador(a) de serviços que queira anunciar na página Suzano Hoje no Facebook e/ou Instagram ou no site SuzanoHoje.com, ligue ou mande um Whatsapp para (11)98454-9600

COMPARTILHAR