segunda-feira, 6 julho 2020

Motorista da UBER apanha e tem carro, dinheiro e celular roubado por bandidos na região

Um jovem motorista do aplicativo UBER de apenas 20 anos idade ficou refém de ladrões depois de atender a uma chamada na região na noite do último sábado (24). Ele foi agredido pelos bandidos e teve o carro, celular e R$ 300 roubados. No dia seguinte, o veículo foi recuperado.

O jovem registrou o boletim de ocorrência na segunda-feira (26), no 2º Distrito Policial de Mogi das Cruzes como roubo de veículo, disparo de arma de fogo, localização, apreensão e devolução de veículo.

O motorista contou que recebeu uma chamada pelo aplicativo para buscar um passageiro no distrito de Jundiapeba na cidade de Mogi das Cruzes. Quando chegou ao local, um homem se apresentou como cliente e logo outros três embarcaram no carro também.

O motorista disse que depois que andou dois quarteirões foi surpreendido com um golpe e um dos passageiros apontou uma arma, anunciando o assalto. Ele afirmou que foi colocado no porta-malas do carro onde ficou por 10 minutos.

Quando o carro parou, ele estava no bairro Conjunto do Bosque. O motorista informou que os ladrões mandaram ele sair do porta-malas e o agrediram com coronhadas e foi feito um disparo que não o atingiu.

Depois, mandaram que ele deitasse no chão e fugiram com cartão bancário, celular, R$ 300, e o carro da vítima.

O motorista acionou a Polícia Militar e familiares. Como o carro tem rastreador, a empresa o localizou na Rua José Ferreira em Jundiapeba no domingo (25).

A Polícia investiga o caso e busca os criminosos pela região.

(com informações do G1 – o site de notícias da Globo/TV Diário)