segunda-feira, 19 outubro 2020

Nas últimas horas, pelo menos dois motoristas de aplicativos foram assaltados por “falsos passageiros” na região

No último domingo (16), dois motoristas de aplicativos foram vítimas de bandidos na região, um em Mogi das Cruzes e outro em Ferraz de Vasconcelos.
O primeiro caso aconteceu na madrugada de domingo (16), o motorista encontrou uma passageira na Rua Doutor Correa, na região central de Mogi das Cruzes. A mulher que havia solicitado a corrida chamou mais dois homens para entrar no carro.

Os passageiros solicitaram a mudança do destino da Rua dos Vicentinos (Vila Natal) para a Rua dos Cabritos ao motorista, ele não concordou, por considerar o destino solicitado perigoso naquele horário (próximo a 1 da manhã).

Com a negativa do motorista, em seguida, um dos passageiros que estava no banco traseiro anunciou o assalto e colocou um revólver na cabeça do motorista pedindo que ele entregasse o dinheiro.
Outro passageiro pegou o celular do motorista e os três desembarcaram do carro levando R$ 300.

Segundo relato do motorista a Polícia, o prejuízo foi de R$ 1,2 mil.

O segundo caso ocorreu na noite de domingo (16) em Ferraz de Vasconcelos. Por volta de 22 horas, o motorista recebeu um chamado para buscar passageiros em uma rua do Jardim Amélia, na zona leste de São Paulo.
Quatro bandidos anunciaram um assalto alguns minutos depois do início da corrida e colocaram o motorista no porta-malas do veículo. A caminho de Ferraz de Vasconcelos, os criminosos pararam várias vezes e fizeram compras com cartões de credito e débito da vítima, causando um prejuízo de cerca de R$ 1.000,00, foram comprados produtos de tabacaria e bebidas alcoólicas.

Na Avenida Tancredo Neves, no Jardim Alice em Ferraz de Vasconcelos, os bandidos pararam o veículo e abriram o porta-malas ameaçando o motorista de morte e que queimariam o veículo.
A vítima imediatamente reagiu contra os criminosos com uma chave de fenda em posse conseguindo fugir do local.
Em seguida, o motorista fez contato com seus familiares.

A Polícia encontrou e prendeu uma jovem de 18 anos no mesmo bairro de Ferraz de Vasconcelos onde o crime foi finalizado, ela confessou o crime. A jovem vai responder por roubo, associação criminosa com o agravante por ter restringido a liberdade da vítima.
O veículo foi abandonado pelos criminosos na Avenida Tancredo Neves e posteriormente entregue a vítima.