Vereadores derrubam veto do prefeito Gian Lopes, e aprovam cotas raciais para concursos públicos do município

Em um momento, de várias questões abordadas ao longo desta semana no município de Poá, como o caso da Passarela do Perracine, que inclusive teve repercussão estadual, um fato passou desapercebido por parte da população: A aprovação de cotas raciais em Concursos públicos no município.
O projeto apresentado pelo vereador Azuir Marcolino (PTB) e aprovado em primeiro turno na casa legislativa, acabou sendo vetado pelo prefeito Gian Lopes, que não apresentou motivos ou declarações por tal ação.
Porém, a própria câmara dos Vereadores derrubou o veto do prefeito, desta forma, aprovando o projeto de Lei em questão no segundo Turno. A votação teve 12 votos a favor e 3 abstenções.
O projeto determina que parte das vagas em concursos públicos municipais, sejam destinadas para Negros, pardos ou indígenas, através de políticas auto afirmativas