O professor Heder Stefano, morador de Suzano, viralizou nas redes sociais após se posicionar contra a greve de alguns profissionais da educação que protestam contra os cortes no orçamento das universidades federais anunciados pelo Ministério da Educação, e também, contra a reforma da previdência.

Heder atua na Escola Municipal de Ensino Fundamental Madre Joana Angélica de Jesus, localizada no bairro de Guaianases na cidade de São Paulo e trabalhou normalmente nesta quarta-feira (15).
Nas palavras dele, ele não faz greve, não participa de paralisação e não servo de massa de manobra de grupos sindicais. O profissional ainda ressaltou, na opinião dele, a importância da reforma da previdência.

Veja abaixo, o texto completo escrito por Heder em seu perfil na rede social Facebook:

“Sou professor, não faço greve, não paraliso e não sirvo de massa de manobra de grupos sindicais. Eles não falam por mim!!!
A reforma da previdência se faz necessária e agora é hora de pensar no país e não no próprio umbigo, já que esses mesmos que fazem greve votaram e apoiaram quem destruiu os cofres públicos previdenciários nestes últimos anos.
Engraçado que quando o PT fez um corte de mais de 9 bilhões no MEC nada foi feito por esses grupos. Enquanto eles param eu sigo em frente com milhares de trabalhadores pelo Brasil. Bom dia e bom trabalho a todos!!!”

COMPARTILHAR