quinta-feira, 3 dezembro 2020

Governo Bolsonaro deve anunciar nesta semana medida que libera o saque de contas ativas e inativas do FGTS

Deve ser anunciado na próxima quinta-feira (18), pelo Governo Federal, a liberação do saque de contas ativas e inativas Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) para estimular o consumo das famílias e aquecer a economia.

Em entrevista ao jornal Valor Econômico, o ministro da Economia Paulo Guedes afirmou que a intenção é injetar R$ 42 bilhões, através do FGTS, que deverão ser sacados no mês de aniversário dos correntistas. Quanto ao PIS e ao Pasep, a expectativa de Guedes é liberar R$ 21 bilhões: “Agora, com o avanço na tramitação da Previdência, podemos levar essas medidas adiante”, afirmou ao Valor.

Em 2017, o Governo Federal, durante a gestão do ex-presidente Michel Temer (MDB), já havia liberado cerca de R$ 44 bilhões de contas inativas do FGTS, beneficiando 25,9 milhões de trabalhadores.