sexta-feira, 30 outubro 2020

Começa o 19º Festival de Inverno de Paranapiacaba

O primeiro final de semana do 19º Festival de Inverno de Paranapiacaba foi marcado pela celebração do resgate de um dos principais símbolos da vila, a Torre do Relógio da estação, que foi totalmente restaurada e ganhou iluminação especial. A inauguração ocorreu na noite do último sábado (20), em uma cerimônia que contou com show de luzes e encantou os visitantes. Cerca de 22 mil pessoas estiveram presentes na vila no primeiro dia de evento.

Com o restauro, que teve início em janeiro deste ano, o relógio da estação voltou a funcionar, após ficar 10 anos parada. A última intervenção voltada à conservação da torre ocorreu em 2003. A obra contou com investimento de R$ 1,2 milhão e foi realizada pela MRS, por meio do Programa Nacional de Cultura (Pronac), do governo federal.

O relógio e a torre têm histórias diferentes. O relógio data de meados de 1898, quando foi construída uma nova estação de madeira em Paranapiacaba. Naquela época, a torre do relógio existente era bem menor e colada à estação. A primeira estação da vila foi criada em 1867, com o nome de Estação do Alto da Serra.

Em 1977 a estação de madeira é desativada e a torre é reconstruída em um novo lugar, desta vez mais alta. Para esta nova torre foram transportados o relógio, da marca inglesa John Walker, todos os mecanismos e os gradis metálicos.

“Sempre venho a Paranapiacaba acompanhar o Festival de Inverno e fico feliz que tenha sido recuperado este que pra mim é o principal símbolo da vila. Eu e minha família adoramos a nova iluminação”, conta a comerciante Lilian Pereira.

Logo após a inauguração da Torre do Relógio, o prefeito de Santo André Paulo Serra inaugurou a exposição permanente da maquete de ferromodelismo, que foi instalada em um espaço próximo à antiga Garagem das Locomotivas, onde funcionava a área administrativa das oficinas da ferrovia.

A exposição é uma iniciativa do Ferreoclube do ABC e estará aberta ao público em todos os dias do Festival de Inverno, das 10h às 18h. Após o FIP, a exposição poderá ser visitada aos domingos, das 10h às 16h.

Atrações

O Festival de Inverno de Paranapiacaba acontecer segue nos 27 e 28 de julho, das 10h às 22h. Os shows, exposições e intervenções culturais acontecem em dez pontos diferentes da vila inglesa. Durante o FIP, quem for à vila poderá conferir série de oficinas, vivências, saraus, exposições e atividades de lazer, além de feiras como a de Artes e Antiguidades, de Vinil e a de produtos de cambuci, fruto típico da Mata Atlântica. O espaço Locobreque abrigará as apresentações de circo. E a webrádio Rádio Plano B fará a transmissão ao vivo do evento.

A programação completa está disponível no site http://www.santoandre.sp.gov.br/fip

(com informações da Prefeitura de Santo André/Tiago Oliveira / Imagens: Alex Cavanha e Angelo Baima)