sexta-feira, 27 novembro 2020

Tragédia no litoral de São Paulo. Temporal provoca 12 mortes nas últimas horas, pelo menos 46 pessoas estão desaparecidas. Bombeiros estão entre as vítimas fatais

Pelo menos doze pessoas morreram na madrugada desta terça-feira (3) em cidades da Baixada Santista, no litoral de São Paulo, e 46 pessoas estão dadas como desaparecidas após fortes chuvas que caíram nesta região. As informações são das autoridades locais.
Entre os mortos estão dois bombeiros que atuavam no resgate de vítimas do temporal.

A chuva causou inundações em várias ruas das cidades da Baixada Santista e também a interdição de parte de duas rodovias, bloqueadas pela queda de barreiras.

Em comunicado, o coordenador estadual da Defesa Civil de São Paulo, coronel Walter Nyakas Junior, disse que está na região para se reunir com os prefeitos das cidades afetadas e avaliar as primeiras necessidades.

As autoridades informaram que “a previsão para toda a terça-feira é de chuva moderada a forte no litoral do estado de São Paulo, o que inclui toda a região da Baixada Santista devido à formação de uma área de baixa pressão no litoral e a circulação dos ventos nos altos níveis da atmosfera”.