sexta-feira, 26 fevereiro 2021

Na região, Suzano é a cidade que teve mais mortes por síndrome respiratória em março deste ano. Comparação com números do ano passado impressiona

Na região do Alto Tietê, Suzano foi a cidade com o maior número de mortes por Síndrome Respiratória Aguda Grave (SRAG) no mês de março de 2020, e também a que teve o maior aumento em comparação com o ano passado.

Segundo a Prefeitura de Suzano, em dados fornecidos ao site G1, o município não teve nenhuma em março de 2019, mas registrou 19 no mesmo mês deste ano.
A síndrome é uma das consequências do novo coronavírus (covid-19), o número pode indicar a subnotificação dos casos da doença na cidade.

Em abril foram outras 11 mortes por SRAG em Suzano. Desde o início de 2020, o município teve 35 mortes por síndrome respiratória.

(com informações do site G1 – o site de notícias da Globo)