Empresário Jorginho Romanos deixa cargo em São Paulo e “confirma” mais ainda sua pré-candidatura a prefeito de Suzano

O empresário, coordenador da UDS (União Democrática de Suzano) e pré-candidato a prefeito de Suzano, Jorge Romanos Júnior, o Jorginho, pediu afastamento de seu cargo na Assembleia Legislativa, segundo o que consta no Diário Oficial do Estado da última quinta-feira (02), sendo assim, este fato reforça mais ainda sua pré-candidatura à prefeito.

O que afasta certos rumores do meio político, do qual se falava que a União Democrática de Suzano (UDS) não teria um candidato direto na disputa, tendo em vista que o líder do grupo, deputado Estevam Galvão de Oliveira, acenou o interesse em apoiar a candidatura do atual prefeito, Rodrigo Ashiuchi.

Jorginho Romanos é coordenador da União Democrática de Suzano (composto pelos partidos Democratas, PSD, e MDB) se apresentava explicitamente como candidato do grupo , entretanto, após o rumor no meio político de que a União não iria lançar candidato a prefeito pelo grupo, este rumor perdeu seu crédito.

O fato de que Jorginho pediu afastamento de seu cargo na Assembléia, dentro do prazo estipulado pela Justiça Eleitoral, faz com que o rumor perca caráter de possível verdade. Sendo assim, ao que pode ser constatado verdadeiramente, até o momento, Jorginho Romanos segue pré-candidato a prefeito na cidade.